radiolite.pt

As aventuras e desventuras de um operador de rádio. PMR446, CB27, SWL e SDR entre outros.

Introdução à onda curta

Uma das vertentes que me prende ao hobbie da rádio é a escuta em onda curta. Nem sempre consigo assegurar as melhores condições para o fazer, mas lá se vai conseguindo escutar qualquer coisa. Agora que penso nisso…. está na altura de fazer mais uns vídeos dedicados ao tema.

Ora, é exactamente com base em vídeos, desta feita, do canal OfficialSWLchannel no Youtube, que decidi fazer este post. É que foi disponibilizado mais uma parte, a segunda, da serie “Shortwave Radio for the Beginner”. A informação a aconselhamento aqui prestados são sem dúvida uma mais valia para os “miúdos e graúdos” que percorrem estas frequências, pelo que aconselho vivamente a que assistam.

Até ao próximo post e boas escutas.

Regresso do pmr446.org

Foi com um misto de surpresa mas também com alguma alegria que recebi a notícia da reactivação do site/dominio pmr446.org. Numa vistia rápida que fiz a este site constato que o formato utilizado no momento da sua extinção é o mesmo que agora é utilizado. Resta apenas saber se o forum será também ele reactivado.

Site pmr446.org - pmr446.org

Site pmr446.org – pmr446.org

O pmr446.org era a referência nacional em termos de PMR446, com uma listagem única e maioritariamente consensual entre a comunidade. Se por um lado critiquei a forma como todo o processo de extinção do site (com base na informação que recolhi e tive acesso), dado que o “poder” foi deixado na rua, receio por outro lado a reacção a este regresso e de que forma como tudo se vai processar. Existem neste momento outras listas e grupos, diferentes designações da original (que de resto mantive por não concordar com a segregação), e o regresso do PMR446.org e respectiva listagem, pode dessa forma (espero que não) criar alguma confusão.

Mas devo dizer que considero este renascer como um acontecimento positivo.
A comunidade está muito virada para os grupos de utilizadores PMR existentes nas redes sociais, nomeadamente no Facebook, pelo que será esta meu ver uma dificuldade a enfrentar pelos mentores do PMR446.org

Listagens à parte, desejo-lhes sucesso neste iniciativa, na esperança de que possa ser foco de união entre os operadores PMR446 em Portugal.

Numa palavra…frustração!

Não correu nada bem a tarde do passado dia 11. Estive em Sintra, bem antes da hora prevista, mas apesar disso nada correu como planeado. O local que tinha escolhido e onde nunca tinha estado, estava afinal inacessível. A procura por alternativas revelou-se um fracasso. Entre posições lá consegui 3 contactos (com os PMr3229, 4729 e 1425) o que fazia adivinhar uma tarde bastante interessante.

Decidi então ir até à Peninha mas lá chegado o vento impediu qualquer QSO decente. Já com vários Kms em cima das pernas e bastante cansado de andar Serra acima, Serra abaixo, acabei por desistir pelas 17h00.

Fica uma enorme frustração não só por não ter cumprido, como pelo facto de a tarde prometer bastante. As minhas desculpa aos que tentaram o contacto. Fica para a próxima.

11 de Junho em Sintra

E confirma-se! Na tarde do dia 11 de Junho vou poder dar um salto até Sintra. Acabei por decidir que apenas vou levar o PMR por forma a carregar menos peso.
A minha intenção é a de separar as águas, ou seja, não misturar a caminhada com os rádios mas o local que escolhi para efectuar uns contactos fica no meio da Serra, onde o carro não chega e isto deixa o CB um pouco mais longe desta aventura. Para os 27Mhz apenas apenas tenho antenas para usar no carro pelo que, assim que houver tempo, hei-de construir uma T2LT.

Vista aérea Palácio da Pena - portugalvirtual.pt

Vista aérea do Palácio da Pena – portugalvirtual.pt

Relativamente a horários, o que pretendo fazer é estar em Sintra pelas 15h00 e a chamar em canal 3 pelos colegas interessados em fazer contacto. Pelas 18h00 devo estar a baixar, a não ser que se justifique prolongar a minha presença por lá.

A tarde não terminará sem uma passagem pela onda curta, pois o local está mesmo a pedi-las.

Até lá, bons contactos.

Regresso a Sintra

Tenho por hábito (e necessidade) caminhar pela Serra de Sintra. No entanto, nesta época que agora vai terminar (com o início do calor), os passeios pela natureza foram substituídos por outros em terreno urbano, mais a direito mas de maior extensão e em jeito de circuito. Mas estou um pouco farto do mesmo cenário de cimento e tijolo e há que voltar ao verde da Serra, aproveitando a oportunidade (e cota elevada) para tentar fazer uns contactos.

Sintra (Peninha) a ver a Arrábida - Google Earth

Sintra (Peninha) a ver a Arrábida – Google Earth

Estarei por Sintra, muito provavelmente, durante a tarde do dia 11 de Junho. Darei privilégio ao PMR por causa da portabilidade e como desta vez vou de mochila às costas, o peso é também um factor a ter em conta. No entanto esta é uma decisão irrevogável(!) e por isso só mais perto (também já não falta assim tanto) decidirei o que vou levar.
Vou tentar uma actividade ao estilo CTX, algo que à muito tempo desejo. Levo um abrigo para o que der e vier. Muito provavelmente vai dar sol. Mas Sintra é famosa por tempo instável pelo que vamos ver se não me engano. Assim que tiver data  confirmada e horário definido darei mais noticias sobre esta minha intenção.

Até lá, bons contactos pois ao que consta a propagação tem estado a ajudar nos 11m.

Que confusão!

Confesso que não é totalmente claro para mim quais as diferenças existentes entre DMR, dPMR446 e outras normas, standards, modos e afins, associados à rádio digital. Não é fácil perceber como tudo se relaciona tanto mais que a cada site que consulto há um todo redefinir dos conceitos que me deixa ainda mais baralhado. Esta disparidade de “opiniões” deixa-me mais tranquilo ao perceber que não sou o único que se sente perdido.

Por isso queria salientar um vídeo que coloca de forma clara o que é o DMR, Tier 1, Tier 2 e Tier 3 e onde é que o dPMR446 encaixa.

Vale a pena assistir!

01000010 01101111 01101110 01110011 00100000 01100011 01101111 01101110 01110100 01100001 01100011 01110100 01101111 01110011.

Actualizado a 28 de Maio às 20h43.

Alguém interessado em dPMR446?

Se escavarmos bem fundo neste blog, podemos encontrar um artigo onde antevia (ou devo escrever mais precisamente que “desejava”) a utilização de forma mais acentuada da norma dPMR446 entre a comunidade PMR em Portugal.

Ora, como se sabe, a “explosão” do DPMR446 ainda não aconteceu por cá, quando por exemplo, em França ou Inglaterra, pelo que se pode comprovar pelos vídeos que estão disponíveis no Youtube, o digital já vai fazendo adeptos desde há cerca de dois anos, mais QSO, menos QSO!

Por certo que nem tudo o que se vê por lá corresponde a dPMR446 puro e duro, mas por comparação com o nosso cantinho à beira-mar plantado, existe uma grande diferença na aceitação da norma digital dos 446MHz.
Ora… eu não me importava de investir nesta área mas como se sabe, só vale a pena quando está alguém do outro lado para comunicar, pelo que até ao momento ainda não dei este passo. Um dos aspectos a ter em conta é também o preço dos equipamentos. Não se encontra um par de dPMR446 a 30€ no LIDL e boa parte dos equipamentos anda acima dos 100€, por uma unidade apenas.

O dPMR446 permite muitas funções que o analógico não permite e vou tentar, à medida que for absorvendo mais informação sobre o assunto, falar sobre elas. Neste vídeo (acima) é demonstrada a capacidade de chamada selectiva, que pode ser feita em dPMR446, pese embora a minha suspeita de que alguns analógicos como o Motorola T80 permitam funcionalidade semelhante. Mas há muitas outras coisas possíveis com os dPMR446, sendo as mais referidas como exemplo, a utilização de GPS ou o envio de SMS. São apenas duas entre muitas que estão disponíveis nesta norma e à espera de serem exploradas.

Votos de muitos e bons contactos!

NOTA: Atenção que, ao contrário do que julgava inicialmente e tal com se pode ver pela informação disponível em Hytera.co.uk, os equipamentos objecto do vídeo acima não são dPMR446. O modelo em causa é o PD365, que é um rádio DMR Tier2, quando dPMR446 opera em Tier1. Para rádios deste fabricante existem outras opções compatíveis com a norma, sendo nesse caso os modelo com a designação LF (i.e. Hytera PD35LF)
Estava na altura de proceder a mais uma limpeza ao site e dessa forma as páginas do antigo "PMR446.pt" bem como a página "Eventos e actividades" foram removidas.

Elimina-se assim conteúdo mais antigo, tornando o site mais focado em conteúdo actual.

Mais uma tarde bem passada.

Estava mesmo a precisar de uma tarde como a de hoje! Não posso dizer que foram muitos os contactos. Já fiz mais em momentos em que não anunciei qualquer tipo de evento. Mas hoje valeu sobretudo para matar as tais saudades e verificar que algum do velho “espírito PMR” ainda se mantêm.

Tinha prevista a presença nos 27Mhz e 446MHz em Montachique mas como o tempo ameaçava chuva e já andei por lá a patinar com o carro, decidir ir à procura de um outro lado. Noutras ocasiões tinha verificado a existência de outros locais ali perto e que depois explorei no Google Earth. Hoje acabei por escolher um deles, a cerca de 414m de altitude, perto da Venda do Pinheiro.

Local da Venda do Pinheiro - Geoogle Earth

Aspecto do local perto da Venda do Pinheiro – Geoogle Earth

Como de costume, com a portabilidade a ditar a sua lei, os PMRs foram os eleitos para efecutar os primeiros contactos. Mais tarde e já com a companhia do PMR1694 em Montachique, tentámos a Banda do Cidadão sem sucesso. De resto, ao longo da tarde e em todos momentos em que o President Jackson II foi chamado a intervir não obtive qualquer sucesso, apesar de alguma escuta.

Radar de navegação marítima

Radar de navegação marítima

O 1694 fez-me companhia durante as 3 horas em que andei pelo monte e talvez por isso foram 3 horas que passaram rápido. De tal forma que não toquei em SWL ou ADS-B como queira. Ora ele ora eu escutávamos alguns colegas a chamar e, como que de uma parceria de tratasse, partilhávamos o QSO. Ao amigo Menezes o meu obrigado.

Obrigado também aos que tentaram chegar à minha localização que pela ordem de registo, constam na seguinte lista:

PMR1694 -Montachique
PMR89 – Tires
PMR16 – Almada
PMR4087 – Azeitão
PMR722 – Arrábida

Estes contactos foram intercalados com a escuta de colegas do FRN Portugal via Zello, utilizadores de PMR446 espanhóis e um colega por Cascais. Houve também as já referidas tentativas de contacto nos CB27, mas a determina altura, fiquei com medo da trovoada, o que fez com que desmontasse a Sirio 5000 que levei comigo esta tarde.

Fecho o post recordando a actividade prevista para a próxima semana pelo grupo Golf Charlie Bravo, desejando boa sorte ao colegas que estarão pela Serra da Estrela a animar a Banda do Cidadão no dia 20 de Maio.

Não…! Venha outra antena.

Venha outra antena que esta colinear feita de fio de cobre não está à altura…do tráfego aéreo. Ao contrário do que li, a performance não correspondeu à expectativa e os resultados na utilização do ADS-B foram decepcionanetes. Foram duas as antenas que construi, sendo que construir neste caso é uma forma de expressão, tal a facilidade com que se dobra o arame e se o solda à ficha. Só para se ter uma ideia da decepção, com a RH536 os aviões detectados foram bem mais do dobro!

Impõe-se assim investir algum tempo na construção de uma nova antena, desta vez numa colinear com a que está representada na figura abaixo, essa sim, com provas dadas.

Antena colinear - https://www.balarad.net

Antena colinear – https://www.balarad.net

A que tenho permanentemente ligada a alimentar o Flight Radar 24 detecta aviões até Sevilha para Sudeste ou Salamanca para Nordeste (a partir de Oeiras) mas tem 11 elementos!
A nova antena construir, muito brevemente, terá talvez um 5 ou 7 para garantir a portabilidade mas que terá menos alcance. Por outro lado, como conto usá-la em locais altos, espero conseguir de alguma forma atenuar esse menor alcance e conseguir bons resultados.

Page 1 of 16

Powered by WordPress & Theme by Anders Norén