radiolite.pt

As aventuras e desventuras de um operador de rádio. PMR446, CB27, SWL e SDR entre outros.

Month: Dezembro 2015

Venha daí 2016!

Está concluída a passagem pela Serra do Socorro. Uma tarde cheia de sol a assinalar a entrada no Inverno que efectivamente só acontece Terça-feira, dia 22. Sol para assinalar o Inverno é um contra-senso mas também é um facto que apenas quando este se escondia é que o frio se fazia sentir.

Vista parcial da Serra do Socorro em direcção ao Oceano Atlântico.

Vista parcial da Serra do Socorro em direcção ao Oceano Atlântico.

A tarde foi positiva mas nem tudo correu bem. Tinha programadas tentativas de contactos em CB27 e PMR446 mas a determinada altura, várias solicitações em simultâneo fizerem com que perdesse o controlo da situação. Penso que houve mesmo colegas cuja chamada ficou por responder. A estes em particular as minhas desculpas. Para a próxima vez, talvez faça a separação de bandas por períodos de tempo.

Fiquei muito contente por saber que foram vários os colegas que estiveram em locais altos a tentar os seus próprios contactos, como por exemplo na Serra da Gardunha (PMR4057?!) ou Arrábida (PMR722) e ainda o PMR869 (Penedo Gordo). Espero sinceramente que tenham conseguido muitos e bons contactos.

Reflexão lunar. Desculpem mas não consegui resistir a este título.

Reflexão lunar. Desculpem mas não consegui resistir a este título.

Voltando à Serra do Socorro, como nestas coisas da rádio gosto de andar ao ar livre, acabei por dar preferência ao PMR446, fazendo incursões no 27MHz. Mas como a determinada altura as minhas chamadas deixaram de obter resposta nos 11m, passei a dedicar-me quase em exclusivo aos 446MHz. Só quando soube que o PMR869 estava em canal 25 FM, o canal que tinha anunciado utilizar em CB, é que voltei aos 27MHz. Mas nada feito! O PMR869 estava pelo Penedo Gordo e já tínhamos conseguido o contacto por algumas vezes, durante a tarde, em PMR. No CB não foi possível o contacto. Mas outros foram os colegas com quem foi possível e “nos dois lados”, como foi o caso do PMR756/Estação Clipper ou ainda PMR3442/Estação Hotel Sierra.

No total foram 16 contactos a preencher a tarde, dos mais variados locais. Eis a lista:

PMR756 – Seixal
PMR869 – Gavião de Rodão
PMR1255 – Santa Cruz
PMR4177 – Mafra
PMR4004 – Vila Franca de Xira
PMR3389 – Sintra
PMR722 – Arrábida
PMR3334 – A8/Arruda dos Vinhos
PMR3442 – Paio Pires
PMR3870 – Não registei o local
PMR4220 – Alter do Chão
PMR2841 – Não registei o local
PMR4087 – Não registei o local

Estação Recoca – Assumo da margem Sul do rio Tejo
Estação Clipper – Seixal
Estação Hotel Sierra – Paio Pires

…e escutadas outras como a do colega António em Queluz.

Pôr do sol a assinalar o final da actividade.

Pôr do sol a assinalar o final da actividade.

Para última do ano não foi nada mau. Em relação ao vídeo fica a promessa de que será disponibilizado em breve, se houver alguma coisa que se aproveite das filmagens que fiz e que faça sentido.

Fecho com votos de Boas Festas. Muitos rádios novos no sapatinho e um 2016 cheio de actividades para os usarem até à exaustão!

Foram corrigidos os numerais referentes aos colegas PMR4177 e PMR3870, que originalmente identifiquei de forma errada. Obrigado pela chamada de atenção.

É já no Domingo, na Serra do Socorro!

Esta semana passou muito rapidamente e hoje já é Sexta-feira. Logo à noite será altura de confirmar carga de baterias, pôr de lado as pilhas AAA e testar rádios. A actividade para Domingo será efectuada na Serra do Socorro entre as 14h30 e as 17h00, ou para além dessa hora caso de justifique. Os canais a utilizar são o canal 3 em PMR446 e 25FM em CB.

Serra do Socorro

Serra do Socorro

Sendo o último fim de semana antes do Natal recuso-me a entrar em qualquer centro comercial ou algo que se assemelhe. Espero que a previsão de bom tempo se mantenha e que vocês já tenham as compras feitas, caso contrário arrisco a não fazer muitos contactos!

PMR446 – Norma europeia?!

Tinha para mim a ideia de que sendo o PMR446 uma norma que existe em vários países da Europa, estaria sujeita a um conjunto base de premissas que seriam comuns a todos esses países. Estariam assim garantias as comunicações de um qualquer utilizador de PMR446 noutro país europeu sem problemas de maior ou necessidade de registo de licenças para operar. No entanto parece não ser bem assim! Esta minha noção de que o PMR446 seria uma norma transversal pode de facto ser errada, dada a notícia de que hoje tive conhecimento.

Na Finlândia, a entidade reguladora Ficora (equivalente à nossa ANACOM) decidiu permitir a operação de PMR446 em modo analógico na faixa previamente reservada apenas para PMR446 em modo digital (446,1MHz a 446,2MHz). Dessa forma, penso criar-se aqui alguma confusão mas também um precedente, que estou curioso em saber se vai ser acompanhado noutros países. Para além disso há a questão de saber que rádios estão preparados para aproveitar este espaço extra sendo aparentemente óbvio que na Finlândia se deixará de ter apenas 8 canais.

Parece estarmos a viver uma fase de mudança nos 446MHz e que foi atingida uma certa maturação? Ou estarei a exagerar?

Raspberry Pi como gateway ao FRN

Desde que tomei conhecimento da existência do Raspberry Pi, um PC do tamanho de um cartão de crédito, que me sinto tentado a comprar um destes dispositivos. No entanto, apesar dos inúmeros projectos que podem ser feitos com o Pi, sempre considerei que seria, para mim, mais um gadget que passados uns tempos iria ficar esquecido na gaveta. Não duvido que seja útil, por exemplo para trazer para a computação os mais novos mas como lá em casa ainda não é altura certa, nunca avancei com a compra.

Raspberry Pi, Model B - raspberrypi.org

Raspberry Pi, Model B – raspberrypi.org

Soube no entanto através do grupo FRN Portugal que é possível criar um gateway ao FRN com o Pi e que dos testes já realizados se verifica que tudo funciona bastante bem. Existem vantagens na utilização do Pi como gateway e uma delas é o baixo consumo de energia. A portabilidade de algo tão pequeno e que pode facilmente ser transportado é sem dúvida outra.
E assim, para mim, o Pi saltou da lista de “mais um gadget” para a lista das coisas que podem de facto ter alguma utilidade no imediato pelo que estou a ponderar se me junto à lista de gateways ao FRN. É para já apenas uma ideia e contactos prévios com o responsáveis do grupo ainda não foram feitos.

Está em curso o estudo para o investimento necessário e aguardo ainda com impaciência uma resposta para a compra de um Pi usado a um colega de trabalho.

Havendo novidades, vou publicando aqui.

Solstício de Inverno e a ultima do ano?

Dia 20 de Dezembro tenho programada mais uma saída. Provavelmente, a não que mais alguém tenha a iniciativa de combinar alguma coisa, esta será a ultima saída do ano. Última das que eu faço com propósito único de fazer rádio, pois se se proporcionar e passar por algum local (estou a pensar na eventual visita a uns amigos em Setúbal) sou bem capaz de desviar caminho para subir à frequência (Arrábida).
Depois, como é sabido, o Natal uma altura de férias para muitos e confesso ter a esperança de participar em mais algum evento!

Miradouro de Santa Eufémia na Serra de Sintra - Google Earth

Miradouro de Santa Eufémia na Serra de Sintra – Google Earth

Sobre esta minha ultima saída estou indeciso em relação ao local. Sintra é o que está pensado. A questão é se levo o CB portátil (Intek H520 Plus) e ganho em mobilidade, perdendo em alcance ou se fico pelo carro podendo usar outro tipo de antena (maior alcance) mas que me restingue os movimentos. E não conheço nenhum local em Sintra com linha de vista aberta a Norte, Este e Sul onde possa parar o carro. Santa Eufémia é o melhor candidato mas não estou totalmente convencido. E por isso a Serra do Socorro não está posta de parte.

Serra do Socorro - Google Earth

Serra do Socorro – Google Earth

Seja de que forma for, conto assinalar a entrada no Inverno a fazer rádio no dia 20, em canal 3 nos PMR46 e 25 FM no CB. Já sei que vai haver por ai mais operadores de antenas no ar pelo que na Serra de Sintra ou na Serra do Socorro, espero ter sorte com as condições meteorológicas.

Será o futuro digital?

O título deste post parece ter uma resposta óbvia mas ao que me quero referir é à norma PMR446. Nomeadamente à forma como me vou dedicar ao hobbie pois desde à algum tempo que penso nos PMR em formato digital, o chamado dPMR446. Digital nos 446 não é nada de novo pois a alocação de frequências foi prevista e existe. Acontece que a maior parte dos rádios são analógicos e é ai que a maior parte dos entusiastas e não só operam, ou seja, entre os 446,0 e 446,1MHz

Embora nunca tenha operado em modo digital (446,1 e 446,2MHz), é sabido que o alcance não é o mesmo quando comparado com o modo analógico. E isto é uma problema pois uma das maiores motivações na utilização do PMR446 (pelo menos para mim) é a realização de contactos a maiores distâncias.
Mas o digital tem uma grande vantagem, como se pode ver e ouvir neste video. O áudio é superior em qualidade, embora se note uma certa robotização da voz. Embora não seja PMR446 puro, dá para ter uma ideia.

Não fosse o facto de existirem poucos ou nenhums colegas a operar digital, bem como o preço destes equipamentos e já tinha gasto alguns euros nesta vertente do 446MHz. Está no entanto em aberto essa hipotese para 2016.

Alguém alinha?

Passagem por Sintra, mas com pouca actividade

Tarde vento e muito nevoeiro em Sintra a dar razão aos senhores do IPMA que emitiram um alerta amarelo para a zona (entre outras). Frio nem por isso, e contactos também não. Apenas consegui um, para Tires, com o PMR089. Para além das habituais vozes das superfícies comerciais, apenas escutei um link em 5/16. Ainda tentei activar o FRN Portugal pela Sobreda (4/12). Aparentemente estava a chegar pois activava o link mas este chegava muito fraquinho a Sintra.

Aspecto da Serra de Sintra com Praia do Guincho e Cabo Raso ao fundo

Aspecto da Serra de Sintra com Praia do Guincho e Cabo Raso ao fundo

Não se perdeu tudo pois aproveitei para voltar a fazer a minhas caminhadas pela Serra. Para a semana será melhor!

Intrepid crystal radio

Intrepid crystal radio

Chegou o “Intrepid crystal radio”! Este rádio, mais conhecido na Internet como “credit card crystal radio” está à venda no Ebay por cerca 11€. É um rádio que se caracteriza por não necessitar de energia eléctrica para funcionar, ao jeito de uma galena. Penso mesmo que se  pode dizer que é uma espécie de galena um pouco mais sofisticada. A recepção é feita dos 690KHz aos 1.8MHz.

Intrepid crystal radio

Intrepid crystal radio

Acabei por decidir comprar este rádio pois as minhas tentativas para construir uma galena nunca forma bem sucedidas. E a curiosidade em ver um rádio deste tipo, sem necessidade de energia, a funcionar, ainda não foi satisfeita. Com o rádio vem uma antena que é um fio de calibre bastante baixo, duas pinças (crocodilos), um auscultador de alta impedância, um suporte para colocar o rádio, em tudo igual aos que são usados para colocar os cartões de controlo de acesso e instruções.

A embalagem com todo o material incluído

A embalagem com todo o material incluído

A operação é bastante simples mas darei mais detalhes nos próximos dias, assim que tiver um bocadinho para me debruçar sobre este “assunto”.

Globalização… mais ou menos

Com o intuito de por em prática a ideia da power box, comprei no Dx.com alguns componentes elétricos/eletrónicos. Depois de me deixarem fazer a encomenda, informaram-me que apenas metade dos artigos tinham sido enviados por falta de stock. Nada na altura da compra indiciou a ruptura e quando voltei para confirmar a situação mantinha-se, ou seja, podíamos encomendar e pagar a quantidade que quiséssemos, que só depois seriamos informados que teríamos que esperar pela reposição dos artigos em stock. Note-se que obviamente, por essa altura o dinheiro já teria saído da nossa conta!

Voltimetro/amperimetro - ebay.com

Entretanto os artigos que me foram enviados voltaram para trás por conterem pilhas de lítio. Para um site que vende telemóveis de todas as marcas formas e feitios, tal situação deveria ter sido precavida pois não deve ser a primeira vez que acontece. Enfim, a solução é enviarem-me a encomenda por “outro canal” pelo que tenho de aguardar que por essa via o controlo seja menos apertado, mas é um facto de que este projecto da powerbox está difícil concretizar.

Qual é a cor de teu BMW?

Bom, começo por esclarecer que não tenho um BMW, mas não me importava. Talvez um M5… azul, para lhe colocar uma das novas bases magnéticas coloridas da Jington, e que têm como referência “BMW58-9”.

Kinnota BMW58 - Aliexpress.com

Kinnota BMW58 – Aliexpress.com

Nestas coisas das cores sou muito tradicional e conservador. Prefiro o preto para um telefone ou computador portátil, tal prefiro o preto para tudo o que tem a ver com tecnologia, incluindo rádios e afins. É uma cor que faz sentido pois não distrai visualmente. Depois é inegável que o preto confere um aspecto mais profissional aos equipamentos, e não tanto a de um brinquedo.
É claro que é positivo a existência de possibilidade de escolha na cor. Haverá sempre quem queira diferenciar-se. Abri o artigo a brincar mas admito até que para um automóvel da mesma cor (não num BMW M5 por favor), uma base magnética colorida possa fazer sentido, embora considere também que exista marketing associado à diversidade de escolha.

Conforme artigo da Radionoticias.com, estas bases magnéticas estão disponíveis em 4 cores – branco, vermelho, amarelo e azul – para além do preto. Vêm com 5 metros de cabo RG-58/U e ficha PL259. Para os interessados, podem ser encontradas aqui, sob o nome de Kinnota!

Powered by WordPress & Theme by Anders Norén