radiolite.pt

As aventuras e desventuras de um operador de rádio. PMR446, CB27, SWL e SDR entre outros.

Month: Fevereiro 2016

O mundo a 1090MHz

Tive hoje um daqueles momentos que justificam toda a dedicação que temos a um hobby, que como será fácil de perceber no meu caso é o da rádio comunicação. Acontece que um dos projectos que tinha em mente era o de aproveitar um dos RTL-SDR para fazer um receptor ADS-B, que resumidamente nos permite saber a localização de aeronaves que utilizem este sistema. Depois de alguma leitura sobre o assunto decidi optar pela solução RTL1090 para receber e descodificar os sinais recebidos pelo rádio e o Virtual Radar Server para ler essa informação descodificada e a mostrar num mapa. Por parte do hardware utilizei então um RTL-SDR com um tuner R820T e construi uma antena colinear como aqui demonstrado.

Imagem dos aviões detectados e respectiva área - Virtual Radar Server 2.3.1

Imagem dos aviões detectados e respectiva área – Virtual Radar Server 2.3.1

O mais espantoso é que ficou tudo a funcionar à primeira e sem grandes dores de cabeça. De certa forma até assusta a facilidade com que se obtém esta informação que considero de alguma sensibilidade. Se todos podem olhar para o céu e ver um avião a passar, por certo que vê-lo representado no ecrã de um computador não será nada de especial. Mas se estivermos a kms de distância e se conseguir saber altitude, velocidade, companhia aérea e demais detalhes de um voo, talvez ai a coisa possa ser vista de outra forma. E basta apenas um pequeno período de dias a recolher para ficarmos a conhecer as rotas mais frequentes!

Mas o meu entusiasmo deve-se sobretudo ao facto de nos arredores de Lisboa conseguir obter a localização de aviões numa área que vai deste a Sertã, na Beira Baixa a São Marcos da Serra já no Algarve. E se tivermos em conta que a antena foi feita com um intuito de testar a solução e, por conseguinte com uma construção pouco cuidada, fico com a impressão de que há muita margem para progredir e razão passar umas boas horas “à escuta” nos 1090MHz.

Próximos passos serão os de adicionar mais elementos à antena e arranjar uma forma de a colocar do lado de fora da janela para melhorar a recepção. Sim porque até agora só a usei junto à janela mas sempre dentro de casa!

Resumindo, para esta receita vão precisar:

1 Computador (utilizei Windows 10 como sistema operativo)
1 RTL-SDR (ao que consta um com tuner Elonics4000 será melhor solução) e respectivos drivers;
1 Antena ressonante nos 1090MHz;
1 Cabo USB para ligar o RTL ao PC;
1 RTL1090;
1 Radar Virtual Server;

Há muito informação na Internet sobre como montar um sistema semelhante, inclusive fazendo uso dos mini computadores Raspberry Pi. É seguir os links deste post. Se for essa a vossa intenção podem até partilhar os dados com sites como o FlightRadar24 ou ainda o FlightAware que vos darão acesso premium aos seus sites.

Recepção com RTL-SDR – parte 1 – Rádio difusão FM

Já muito se viu e ouviu dizer sobre o RTL-SDR. Este equipamento que como se sabe foi originalmente pensado para a recepção de Televisão Digital, pode ser usado em conjunto com um driver especifico e outro software a servir de interface, para a escuta numa ampla gama de frequências. Para o RTL-SDR com o tuner R820T é possível escutar entre os 24MHz e os 1700 e qualquer coisa MHz. Peço desculpa por não ser muito específico mas também é um facto que pode existir alguma variação entre dispositivos.

Uma das muitas versões do RTL-SDR existentes

Uma das muitas versões do RTL-SDR existentes

Mas dada esta ampla gama de frequências que referi à acima, decidi começar a fazer alguns vídeos demonstrativos do que é possível fazer em termos de recepção com o rádio definido por software do momento (e momento aqui é no sentido lato dado que a fama já tem alguns anitos).
Para começar fiz um vídeo sobre rádio difusão em FM, algo que nem sempre é tido em conta na utilizado do RTL-SDR, mas que consegue mostrar de forma imediata como tudo funciona.

Para muito brevemente ficam prometidos vídeos na banda de amador, banda marítima, banda aérea se possível, CB27, PMR446 e outros que venha a lembrar e possam se interessantes. Em estudo está novamente a colocação dentro de uma caixa de metal, visto que esta minha ideia não é prática na sua utilização.

Primeiras impressões

E pronto. Já estou 30€ mais pobre! Comprei os novos PMR446 da Silvercrest há uns dias atrás e estou em fase de experimentação.
Na verdade não há muito para experimentar porque estes rádios são muito semelhantes (na funcionalidade e navegação pelos menus) aos Twintalker 4810 da mesma marca e que estiveram anteriormente disponíveis na mesma cadeia de supermercados, ou seja, o LIDL. Como já referi noutro post a função scan é mesmo muuuuito leeeeeeeeentaa nos novos equipamentos (!) mas a sua ergonomia e design estão mais a meu gosto. Deixo uma foto para se ter uma ideia. Obviamente isto vale o que vale e em abono da verdade se tiver um PMR feio mas mais capaz tecnicamente falando, dar-lhe-ei preferência. PMRs mais bonitos não têm necessariamente melhor qualidade.

Silvercrest Twintalker 4810 (SPMR8000A1) e SPMR8000B1 lado a lado

Silvercrest Twintalker 4810 (SPMR8000A1) e SPMR8000B1 lado a lado

Algo que notei até agora é que falta a estes novos PMRs da Silvercrest um plástico ou tira de borracha mais aderente à mão. O material utilizado tem tendência para escorregar muito facilmente.

Com o aproximar de mais um fim de semana estou já a pensar a ir a um local alto para fazer contactos com estes novos Silvercrest, referência SPMR8000 B1! Se alguém souber a referência do modelo por favor diga-me.

OpenWebRX – Novo software SDR

Já não sei onde originalmente vi a referência ao KiwiSDR. Este site partilha um equipamento SDR localizado na Nova Zelândia e para isso faz uso de um novo software chamado OpenWebRX. Mas uma coisa posso garantir, foram várias as referências com que me deparei durante a semana a este site, entre elas a da revista Radionoticias ou ainda no canal Youtube OfficialVHFUHFChannel, o que atesta a crescente popularidade desta solução.

Openwebrx - http://sdr.hu/openwebrx

Openwebrx – http://sdr.hu/openwebrx

Ter mais um equipamento SDR disponível é obviamente bom, ainda por cima entre os 0 e os 30MHz. Mas saber que afinal em SDR.hu temos este e outros equipamentos prontos para serem usados, então temos razões para estar muito contentes. Um senão é a aparente limitação no numero de utilizadores, mas desconheço se esta terá origem numa qualquer configuração ou se é limitada pela largura de banda. Mas confesso ainda assim o meu entusiasmo com o SDR.hu.
O software OpenWebRX é o resultado de um projecto de um aluno do ensino superior húngaro de nome András Retzler, e faz lembrar no seu propósito o websdr.org. No entanto algo que aparentemente irá facilitar a sua adopção é a forma como o software está acessível no portal. Embora não tenha procedido à instalação esta parece-me fácil, a avaliar  pelas instruções disponibilizadas. Mas atenção, estamos a falar em sistemas operativos Linux.
Para além disso, outra vantagem é que todo o interface é de fácil utilização e apelativo o que o torna agradável de utilizar.

Lista parcial de SDRs disponíveis em sdr.hu - sdr.hu

Lista parcial de SDRs disponíveis em sdr.hu – sdr.hu

Pelo contrário o websdr.org é mais fechado e controlado. O software em si não está disponível para download mas é sim enviado pelo autor aos interessados, caso preencham um determinado numero de requisitos técnicos. Mas a verdade é que estas regras não foram impedimento para sua popularidade, contando já com mais 100 equipamentos online de forma regular.

Escusado será dizer que software é compatível com o RTL-SDR e eu até tenho dois “parados” cá em casa, bem como um PC mais antigo! Já tenho projectos a mais para o tempo que tenho a menos, mas penso que vou experimentar este OpenWebRX.

Promoção Lafayette na Locuradigital

Anúncio da promoção na Locuradigital.com - locuradigital.com

Anúncio da promoção na Locuradigital.com – locuradigital.com

Recebi hoje um email da loja online espanhola Locuradigital com um alerta para uma promoção de alguns rádios da marca Lafayette. Não é a primeira vez (e espero que não seja a última) que faço aqui referência às promoções desta loja, habituais de há já alguns meses.
Os rádios desta marca nunca foram alvo da minha preferência mas tal acontece sem nenhuma razão que o justifique. Apenas escolhi outras marcas das muitas que há no mercado. Também nunca utilizei nenhum rádio Lafayette mas estes equipamentos feitos em Itália merecem a nossa confiança. De resto, em Itália existe alguma tradição na comercialização de rádios e antenas para Banda do Cidadão, pois para além da Lafayette temos também por exemplo a Sirtel como fabricante de antenas. Talvez por causa disso se ouvem com bastante frequência operadores italianos a chegar a Portugal.

Lafayette Venus - www.stylepinner.com

Lafayette Venus – www.stylepinner.com

Da lista de rádios em promoção chamou-me a atenção o Vénus (118,46€). Este modelo de rádio tem os botões e o display integrados no microfone, podendo assim a restante parte do radio, passiva por assim dizer, ficar em local mais recatado. É um radio semelhante aos CRT Mike, Cobra 75 ST EU ou o President William ASC (entre outros) que me parecem uma boa opção para utilização no carro. A Lafayette conta também nas suas fileiras com o modelo Trucker, similar ao talvez mais conhecidos TTI TCB-900 e TTI TCB-1100, mas o Trucker não está na lista de rádios em promoção. Estes últimos são também excelentes opções para colocar no carro pois foram pensados para utilização numa gaveta com as especificações DIN, normalmente utilizada pelos auto-rádios.

Não estou comprador de novo CB neste momento mas fica o alerta aos interessados para mais esta promoção da Locuradigital, especificamente para rádios da marca Lafayette, só até 22 de Fevereiro.

Comemorar o Dia Mundial da Rádio e novos Silvercrest

Nada melhor do que comemorar o Dia Mundial da Rádio com a compra de um rádio. Para ser correcto, dois rádios! Estão neste momento disponíveis nas lojas LIDL os sempre apetecíveis PMR446 da marca Silvercrest, conhecidos por uma boa relação qualidade/performance face ao preço.
Desta vez o modelo disponível é novo mas com características muito semelhantes ao anterior Twintalker 4810. Há no entanto algumas diferenças sendo uma delas a possibilidade de carregar as baterias (3 baterias AAA por rádio) via porta USB. Acredito que esta possibilidade é claramente uma vantagem tendo em conta a versatilidade implícita. Assim de repente lembro-me na possibilidade de carregamento no carro (via adaptador para ficha de isqueiro no caso dos automóveis mais antigos) ou por exemplo através de um computador. Sem dúvida uma característica a ter em conta para quem queria criar um link ao FRN se for possível RX e TX durante o carregamento!
As indicações iniciais são boas conforme os relatos dos colegas do grupo FRN Portugal no Facebook. Foram vários os colegas que fizeram a aquisição que propositadamente deixei para mais tarde exactamente para esperar pela opinião de terceiros. Algo a ter em conta é a indicação de que a função scan é mais lenta neste novos modelos (cuja referência ainda não consegui encontrar).

Silvercrest há vendo no LIDL - lidl.pt

Silvercrest há vendo no LIDL – lidl.pt

Não havendo necessidade, talvez a compra não se justifique embora valha sempre a pena experimentar e se possível devolvê-los se não estivermos contentes. Há que confirmar a politica de devolução no acto da compra.

Estes Silvercrest vão ter para mim uma função muito especifica numa viagem que quero fazer este Verão. Vão complementar o par de Twintalker 4810 que já tenho à algum tempo. Sendo rádios acessíveis, danos ou perdas serão menos graves.

Hoje vou passar num LIDL e até chegar o calor estes rádios serão com certeza ser postos à prova.

Mais HF com o Silvercrest

Depois de recentemente ter publicado um vídeo com escuta de estações em HF, decidi voltar a fazer outro registo dedicado ao tema. Pelo que tenho visto no site DX Info Centre, a propagação tem ajudado e de facto tenho verificado que se escutam mais estações à mesma hora do dia, quando comparado com outros dias. Há umas semanas atrás e com a propagação mais fechada, o cenário era bem diferente.

No vídeo de hoje quero destacar a CHU Time Station a emitir a partir do Canadá. É a ultima estação do vídeo, e não chegava tão forte como as outras, mas é a que mais fascínio me provoca.

A sua localização está aqui, vista a partir do Google Maps.

WWCR, RMI e Mediterranne Internationale

Absorvido pelas tarefas do dia a dia, não tenho pensado em CB ou PMR. No entanto algo que exige menos preparação é a escuta nas frequências de HF. E assim, de forma não planeada dei por mim a levantar uma antena e a ligar um rádio (o equipamento escolhido foi o Silvercrest World Receiver pois era o que estava no porta-luvas do carro).

Depois pensei, por que não aproveitar o momento para registar em vídeo as estações escutadas? Sem razão para não o fazer, fiz o vídeo. Desta vez os alvos foram a WWCR, a RMI The Overcomer Ministry e a Radio Mediterranne Internationale (segundo os dados do site http://www.shortwaveschedule.com) que me chegaram de locais tão distantes como os EUA e de aqui mais perto (Marrocos) no caso da ultima estação.

As frequências foram respectivamente 15795KHz, 15770 KHz e 9575 KHz. A antena foi um fio de cobre de cerca de 4 metros.

Powered by WordPress & Theme by Anders Norén