O mercado europeu viu aparecer esta semana um “novo” rádio, o Midlnad GB1. Este novo entre aspas deve-se ao facto de que este equipamento já é conhecido na Austrália e Nova Zelândia, onde é usado em UHF CB com o nome de Nanfone UC708. Este equipamento é agora colocado à venda com a configuração PMR446, ou seja, com 8 canais e 500mW de potência. Que me lembre, este facto é único e faz com que o rádio seja alvo das atenções da comunidade PMR446, até porque se sabe à partida que será programável por software!

É o primeiro PMR446 que conheço que é programável, mas chamar-lhe PMR tendo em conta que tem um antena externa com base magnética pode ser no mínimo questionável. Ou talvez não! A informação que recolhi até ao momento foi publicada no blog do Simon the Wizard e no site dos nossos vizinhos espanhóis CB27.com. Este último faz uma observação pertinente relativamente à recente normativa CEPT ECC/DEC/(15)05. Com base neste documento este site alerta que a antena de um PMR446 deve estar fisicamente ligada ao equipamento sem possibilidade de remoção para ser considerada integrada. Eliminando a existência de uma ficha, a Midland cumpre assim esta indicação.

Será que esta marca fez a mesma leitura e se antecipou à concorrência? Será que se modificarmos os nossos rádios ligando por exemplo um RG58 directamente ao circuito integrado, substituindo assim a antena original por, por exemplo, uma yagi, o nosso rádio está legal? Parece-me que muito se vai discutir nos próximos meses sobre este tema, mas uma coisa é certa, eu gostei desta interpretação da normativa CEPT.

Midland GB1 - truckerswereld.nl

Midland GB1 – truckerswereld.nl

O Midland GB1 está previsto ser comercializado já no final do mês. Para já poder se encontrado a 159,00€ na Neuner ou 169,95€ na truckerswereld!

Aguardemos por mais novidades!